7 programas para aproveitar o feriado da Independência na Grande Florianópolis

Ao acordar na manhã de quarta-feira, feriado de 7 de setembro, não se assuste se enxergar um nevoeiro pela janela. A tendência é que as nuvens se afastem com os ventos de, em média 10 km/h, e o solpredomine na Grande Florianópolis, que terá temperatura máxima de 17ºC e mínima de 8ºC, conforme a Epagri/Ciram.
Portanto, nada de aproveitar o feriado para lavar as roupas. Abaixo, o Diário Catarinense lista sete opções de atividades ao ar livre para aproveitar o dia na região da capital catarinense. Confira:
Trilha da paz
A Comunidade Católica Shalom realiza uma trilha para a praia de Naufragados, no sul da Ilha de Santa Catarina. O encontro será na Rua Santos Dumont, 124, no Centro de Florianópolis, às 7h da manhã. Haverá transporte gratuito. O percurso conta com uma caminhada de aproximadamente 1h30min, com paradas de dez minutos. Ao chegar à praia, os aventureiros poderão desfrutar de vários esportes e opções de lazer. Se você deseja ir, basta se inscrever no link.

Praia de Naufragados, no Sul da Ilha, geralmente é acessada por trilhaFoto: Bruno Alencastro / Agencia RBS

Águas termais
A aproximadamente 30 km de Florianópolis, um passeio às fontes termais em algum dos hotéis ou parques de Santo Amaro da Imperatriz pode ser alternativa para quem deseja relaxar. As propriedades das águas têm fins medicinais. Também há opções mais radicais: rapel, canoagem, rafting e rapel. A pescaria é outra possibilidade de lazer no município da Grande Florianópolis.

 

Hotéis da região oferecem diárias para utilizar somente a estrutura dos complexos termaisFoto: Marco Favero / Agencia RBS

Pedal nível avançado
É bem provável que os amantes da bicicleta da região encontrem-se em um mesmo local neste feriado da Independência do Brasil. Às 7h da manhã, ciclistas reúnem-se na loja Alemão Bike Shop (Av. Elza Lucchi, 41, Palhoça) para seguirem de carro até o Posto Serra Mar (Rodovia BR 282, Km 41, Águas Mornas) e, de lá, iniciarem um passeio de bike até a Serra da Garganta, em Anitápolis. Além de longo, o percurso é intenso e, portanto, é recomendado levar água, comida e uma câmera de ar reserva. A vista também promete tirar o fôlego.
Meditação guiada
Os voluntários da Arte de Viver em Florianópolis promovem mais uma meditação em grupo nesta quarta-feira, 7. Não é preciso ter experiência para praticar. É recomendado levar canga, tapete ou cadeira de praia. Essa edição especial da Floripa Meditaacontece às 16h30min no Parque Ecológico do Córrego Grande para divulgar a palestra sobre equilíbrio e felicidade com Swami Paramtej — indiano que é instrutor-sênior da organização internacional — na quarta-feira seguinte, 14 de setembro, às 20h, no Hotel Canasvieiras Internacional. As inscrições para a palestra, que vai ensinar o público a lidar com os desafios em meio às distrações da atualidade, podem ser feitas pelolink por R$ 35 até 11 de setembro. Depois, o valor sobe para R$ 50.

 

Voluntários conduzem semanalmente a meditação em FlorianópolisFoto: Pixabay / Public Domain

Park Tupã, por que não?
Se você ainda não curtiu o parque mais querido dos catarinenses, essa pode ser a hora. Anexo ao Centrosul, em Florianópolis, o local funciona das 14h às 22h. O preço para acessar as atrações varia de R$ 5 e R$ 35. Se os brinquedos com vista para o mar não agradarem, há pipoca, algodão doce, maçã do amor e todas as comidinhas possíveis para relembrar a infância.

 

Park Tupã voltou a Florianópolis em julhoFoto: Felipe Carneiro / Agencia RBS

Park Tupã traz os brinquedos que marcaram a infância dos catarinenses para Florianópolis
Ensaio: domingo no Parque

Nova York em Floripa
Já faz um tempo que a circulação no Centro de Florianópolis tem aumentado fora do horário comercial. Para este feriado, é dica é apostar na boemia presente no local com duas atividades. A primeira delas é visitar a exposição fotográfica sobre Nova York no bar Tralharia (Rua Nunes Machado, 104). A mostra apresenta 14 fotos de Jairo Cardoso, que iniciou um projeto em 2012 com a intenção de sair pelo mundo com uma câmera compacta nas mãos a fim de captar a essência das cidades. Personagens e arquitetura nova-iorquina em harmonia são o destaque. A entrada é gratuita e oTralha, como o recinto é conhecido pelos frequentadores, funciona das 16h à meia-noite.

 

A exposição tem curadoria de Sergio VignesFoto: Jairo Cardoso / Divulgação

Feira do Livro da editora da UFSC vai até sexta-feira com obras a partir de R$ 10
A volta da Travessa
A segunda proposta de atividades no Centro consiste em curtir música, cerveja e comida de boteco na Quarta Boêmia no Canto do Noel (Travessa Ratcliff, Centro). O tradicional evento que aconteceu por 28 vezes de julho de 2014 até fevereiro de 2015 está de volta. O acesso continua livre. Funk, soul, Jazz, afrobeat, swing, brasilidades, balkan beats, latina, experimental são as apostas musicais dos DJs Allen Rosa (Sounds in da City) e Gustavo Monteiro. Confira o evento no Facebook.

 

Travessa Ratcliff é reduto tradicional da boemia em FlorianópolisFoto: Angela Bastos / Angela

Fonte: http://dc.clicrbs.com.br/sc/estilo-de-vida/noticia/2016/09/7-programas-para-aproveitar-o-feriado-da-independencia-na-grande-florianopolis-7393457.html